Pyro

by

Pyro – Chris Claremont e John Byrne, 1981
Nome: St. John Allerdyce
Outros Nomes:
Ocupação: Escritor, poeta, formado em jornalismo
Nacionalidade: Australiano (Sydney, Australia) Terra 616
Raça: Mutante
Status: Morto

Poderes Mutantes:
Pirocinesia – Controle do fogo
– Pode criar criaturas de fogo, e essas criaturas podem se tornar densas o suficiente para socar e segurar objetos.
– Pode aquecer o ambiente ao ponto de derreter balas antes que o atinja
– Não pode gerar fogo, precisando ao menos de uma fagulha
– Não é imune ao próprio fogo, porém tem um bom contrle para nao se queimar.

Outros Poderes: Não Possui

Equipamentos:
-Lança-chamas e tanque de combustível acoplado em seus uniformes.
-Seus Uniformes o protegiam do fogo

Habilidades: Escrita

Características Psicológicas: Refinado, afetado

Características Físicas: Magro, cabelos loiros

Outras Características: Homossexual (sugerido)

Afiliações: Irmandade de Mutantes, Força Federal/Vigilantes da Liberdade

Base de Operações: Pentágono

Parentes Conhecidos:

Relacionamentos: Avalanche (sugerido)

Biografia:

1-Origem: Natural da Austrália, St. John Allerdyce teve consciencia de seu poder durante a puberdade mas, por anos, não usou seus poderes, exceto em emergências. Se formou em jornalismo, cobrindo histórias no Vietnã e na Indonésia, dentre outros. Isso o inspirou a escrever uma série de romances dramáticos e alguns erótico-góticos. Desprezado por críticos sérios, ele obteve um certo sucesso no underground dos países de língua inglesa.

2-Irmandade de Mutantes (II): Conheceu Mística que ensinou um pouco melhor como utilizar seus poderes. Para retribuir, ingressou numa nova versão da Irmandade de Mutantes, na qual a primeira missão do grupo era assassinar o candidato a presidência Robert Kelly um político anti-mutante.

user posted image

Os X-men impedem a Irmandade. O que ele não sabe é que se tivessem matado Kelly, uma onda de terror anti-mutante assolaria o país, gerando lei de controle mutante que resultaria num futro negro de muitas mortes para os mutantes.

Um dos seus maiores feitos foi, com ajuda de seu parceiro Avalanche, ferir gravemente Colossus, aquecendo o metal de seu corpo a níveis elevadíssimos.

3- Força Federal / Vigilantes da Liberdade: Assim como os outros componentes da Irmandade, John migrou para a equipe mutante do governo chamada Força da Federal. Mudança essa resultante do acordo feito por Mística e Val. Cooper, que a convenceu de dar indulto pelos crimes cometidos por sua equipe ao vincular a Irmandade ao Governo Americano. Nesta fase, executou várias missões ordenadas pelo Governo, e se sairam muito bem em suas primeiras missões. Como a prisão de Magneto, de Rusty Collins e até mesmo dos Vingadores, que estavam sendo investigados por traição.

A Força Federal foi convocada para enfrentar os carniceiros na Ilha Muir, e lá Legião se diverte atrapalhando as duas equipes, como quando apagou o fogo de Pyro, que nada entendeu. A batalha na Ilha Muir resultou na morte dos intregrantes Muralha e Sina.
Mas o pior ainda estava por vir, a equipe terminou após uma desastrosa missão no Oriente Médio que teve a baixa de muitos membros, alguns mortos, outros gravemente feridos e Blob e Pyro foram abandonados e  presos pelo governo iraquiano.

4- Irmandade de Mutantes (III): Blob e Pyro são soltos da prisão por Groxo que os convidou para pertencer a sua Irmandade.

A Irmandade de Groxo se associou com os Morlocks para derrotar a X-Force mas foram derrotados. Eles também enfrentaram o X-Factor, o Falcão de Aço, o Homem-Aranha e o Sonâmbulo. Sempre fracassando de maneira vergonhosa.

Outro momento vexaminoso da equipe foi quando Exodus convocou uma série de mutantes para viver em Avalon, o novo santuário de Magneto, e apenas Fantasia foi considerada digna. Todos os outros membros foram rejeitados. Pyro poderia ser digno de ser convocado mas disseram-lhe que ele desperdiçava seu potencial.

5- Virus Legado: John perde seus o controle de seus poderes por causa do Vírus legado, ficando extremamente doente, seu corpo fica em chamas, causa explosões e incêndios por onde passa além de sentir uma dor constante.
Pyro foi um dos primeiros mutantes infectado pelo Vírus Legado e, doente, perde seus o controle de seus poderes. Seu corpo ficou em chamas, causando explosões e incêndios por onde passava além de sentir uma dor constante. Foi então levado ao Hospital Nossa Senhora da Mercê, onde foi pedido à Dr. Cecília Reyes que o tratasse. Cecília fez o melhor que pôde para salvá-lo, utilizando inconsciente e secretamente seu campo de força Mutante para que não se queimasse nas chamas descontroladas que Pyro emitia.

Entretanto, Pyro mais tarde convenceu Cecilia a afrouxar suas cintas, escapando do hospital. A fuga de Pyro, que corria em chamas em direção ao Oeste, procurando ajuda de Charles Xavier, que foi captada pelo Cérebro. Percebendo que sua morte estava próxima, John se arrepende de sua vida criminosa e passa a ficar sob os cuidados da SHIELD.

6- Morte: Uma nova tentativa de matar o candidato a presidência Robert Kelly é tramada por uma nova formação da Irmandade de mutantes- 4 anos depois do primeiro atentado. John, que não faz mais parte do grupo e à beira da morte, impede Post de assassina-lo. John agonizado convence Robert Kelly de parar com toda essa guerra. Morre com a certeza de que cumpriu seu dever. Porém infelizmente Kelly é assassinado num terceiro atentado dias depois. A morte de Pyro, de nada valeu para o futuro dos mutantes.

Citações:
aspas

Edições Importantes:

.Primeira aparição/ Irmandade tenta matar Robert Kelly – (Uncanny X-Men #141-142, 1981) No Brasil – Superaventuras Marvel #45 , 1986 Ed. Abril – Republicado em: X-Men Especial #2, 1990 Ed. Abril

. Força Federal prende Magneto – (Uncanny X-Men #199, 1985) No Brasil –X-Men #21,1990 (Ed. Abril)

. Derrotados pela Espada do Deserto/ Abandonado pela Força Federal no Kuwait – (New Mutants Annual #7/Uncanny X-Men Annual #15/X-Factor Annual #6, 1991) No Brasil – X-Men #75-77 (1995 ed. Abril)

.Virus legado / indicios de ser homossexual – ?? No Brasil – Fabulosos X-Men #8 (1996, Ed. Abril)

.Salva Kelly, morre devido o virus legado (Cable #87, 2001) No Brasil – X-Men #4 (2002, Ed. Panini)

Quer acrescentar alguma informação? Encontrou algum erro? Dúvidas? Comente:

Anúncios

Páginas 1 2

10 Respostas to “Pyro”

  1. Nilson Says:

    Cable #81 – X-Men n° 4 – Panini abril de 2002

  2. OXENTE Says:

    Desculpem, mais onde tiraram a informação que pyro era gay? em uma revista, não lembro qual nem quando, ele juntamente com Blob são deixados por Espiral em uma cidadizinha para capturarem uma mutante a mando da força federal e são impedidos por Demolidor.

    Nessa revista ele e Blob brigam pela garota e Blob diz que Pyro sempre fica com as garotas.

    • Paulo Essex Says:

      Eu acho q essa ideia dele ser gay é uma teoria, não é confirmado, porem é baseada em fortes indicios… Por isso ta escrito sugerido

  3. OXENTE Says:

    Blz Essex, mas segundo as revistas ele poderia ser até bi, mas gay não.

    Sinceramente acho que ele é hetero, não percebi nenhum indício para embasar essa teoria, pode ser que não li as revistinhas suspeitas.

  4. bolivartrask Says:

    Então Oxente,
    “mais onde tiraram a informação que pyro era gay?”
    A tua resposta está no próprio protocolo: Nas “edições importantes” e na segunda pagina, “curiosidades” – Fabulosos X-Men #8

    Teve apenas essa Uma unica edição que disseram (indiretamente) que ele era homossexual, a mesma que revela que ele ta com o virus legado, Fabulosos X-Men #8 e pouco tempo depois ele morre, devido a doença.

    Mas não duvido nada que tenha alguma história mais antiga que tenha dito isso que vc disse, apesar de que, pelo sua descrição, era mais uma piada do Blob pois eles tavam brigando pra ver quem a captura.

  5. OXENTE Says:

    Valeu pelos esclrarecimentos bolivartrask, mas na revista que Blob reclama com Pyro, no contexto, não parece ser piada.

    Infelizmente sempre há contradições nas revistas, roteristas escrevem estórias contraditórias com a biografia dos personagens.

    Acho que a dúvida fica no ar até Pyro ressucitar, o que é provável, porque ninguém mais morre na Marvel.

  6. bolivartrask Says:

    Eh verdade Oxente, mas estou até agora bem curioso pra ler essa história. Essa história com o Demolidor foi em uma superaventuras marvel ?

  7. TPM em Crise Says:

    .Primeira aparição/ Irmandade tenta matar Robert Kelly – (Uncanny X-Men #141-142, 1981) No Brasil – Superaventuras Marvel n. 45, ano 1986 e X-Men Especial n. 02, 1990
    Força Federal prende Magneto – (Uncanny X-Men #199, 1985) No Brasil – X-Men n. 21,1990 (Ed. Abril)

    . Derrotados pela Espada do Deserto/ Abandonado pela Força Federal no Kuwait – (New Mutants Annual #7/Uncanny X-Men Annual #15/X-Factor Annual #6, 1991) No Brasil – X-Men n.75, 1995 (Ed. Abril)

    Virus legado / indicios de ser homossexual – No Brasil – Fabulosos X-Men #8 (1996, Ed. Abril)

  8. oxente Says:

    A Revista em que me referi sobre Pyro ser hetero sexual foi a Demolidor #269 (1989) – O Forasteiro

  9. Charles X Says:

    Onde estão as outras mídias de Pyro?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: